Sexta, 18 Abril 2014

Last update:08:53:22 AM GMT

A voz Local

Notícias de Felgueiras

Felgueiras celebrou V Edição do Festival do Pão de Ló e Doces Tradicionais (com vídeo)

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
pao_de_loO Festival do Pão de Ló esteve de portas abertas naquela que foi a quinta mostra anual, em Felgueiras, nos dias 13 e 13 de Abril. Uma iniciativa que contou com a presença de várias entidades oficiais e outras históricas: a visita de El Rei D. Manuel I honrou a abertura do certame nos Claustros do Mosteiro do Pombeiro.

Festival do Pão-de-ló e Doces tradicionais de Felgueiras realiza se nos dias 12 e 13 de Abril

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
pao_de_lo_felgueirasO festival do Pão de Ló e doces tradicionais de Felgueiras realiza-se pelo 5º ano consecutivo, no fim de semana de Ramos, nos Claustros do Mosteiro de Pombeiro e conta com a visita de milhares de pessoas.

“O Festival tem tido uma grande adesão não só por parte dos visitantes, mas também tem aumentado a procura de agentes económicos que pretendem expor e vender os seus produtos” realçou a vereadora da Cultura, Carla Meireles.


O evento realiza-se junto ao Mosteiro de Pombeiro e, para o efeito, está a ser montada uma tenda gigante que agregará cerca de 3 dezenas de especialistas dos mais variados doces e vários produtores de vinho verde da região.

Os visitantes terão a possibilidade de degustar o famoso Pão-de-Ló de Margaride, que será rei, o Bolinhol de Vizela, o Pão-de-Ló de Ovar, o Pão de Ló de Ovos Moles de Castelo de Paiva entre outras iguarias.

As famosas amêndoas e bombons da Páscoa confecionados por doceiros felgueirenses, não faltarão à festa.

Nesse fim-de-semana decorre também o evento “Fins-de-semana Gastronómicos” que possibilita aos visitantes saborearem os produtos genuínos de qualidade da cozinha autêntica de Felgueiras. Os restaurantes aderentes e as unidades hoteleiras fazem descontos de 10% nas refeições e 15% no alojamento (noites de sábado e domingo).

Aguardam-se visitantes de vários pontos do país e alguns espanhóis, “facto que se tem verificado em anos anteriores”, refere Carla Meireles.

A autarca salienta ainda o elevado número de vendas que se verifica: “O número de vendas dos expositores tem aumentado de ano para a ano, a reposição de stock é efetuada várias vezes, nos dois dias, e, nesta edição estamos preparados para atingir mais um record no volume de negócio”.

 

Cristina Aguiar apresentou Livro sobre Deusas no âmbito da exposição

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Cristina Aguiar, escritora e jornalista do jornal desportivo “O Jogo”, foi a convidada especial, no passado sábado, na Biblioteca Municipal de Felgueiras, no âmbito das atividades da exposição de artes plásticas (de 18 artistas) “Mulheres – Escravas e Deusas”, que tinha sido inaugurada no Dia da Mulher e que estará patente até ao dia 29.
A organização destas comemorações resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal, o movimento cultural Tertúlias Itinerantes e o grupo Artistas Reunidas para o Dia da Mulher.
Cristina Aguiar apresentou o seu livro “As Máscaras da Grande Deusa”, que trata de um estudo esotérico sobre as deusas nórdicas e germânicas. A autora referiu: "Valeu a pena escrever este livro, que tem uma mensagem forte e que vem dentro de mim. É, de facto, um livro intuitivo, que tem muito do meu interior”.
Maria Assunção Tavares, médica psiquiatra do IPO – Porto, fez a apresentação crítica: “É um livro para ler com calma e serenidade. Uma obra importante. Estou surpreendida pela forma como a autora se debruçou sobre a influência germânica no nosso país”.
José Carlos Pereira, mentor das Tertúlias Itinerantes, enalteceu a parceria entre o movimento cultural e a Câmara Municipal, “sem a qual não teria sido possível fazer-se a exposição e as atividades nela decorrentes. Anunciou o alargamento da ação do movimento cultural pelo país e uma homenagem a Ary dos Santos em Guimarães, dia 5 de Abril”. No entanto, sublinhou: “Acredito que este evento tenha sido o primeiro de muitos encontros do movimento neste espaço”.
Carla Meireles, vereadora da Cultura, encerrou a sessão. Afirmou: “Mais uma vez, digo que estou feliz com esta importante infraestrutura, que é a Biblioteca Municipal, revitalizada recentemente. São excelentes condições para acolhermos aqui muitos eventos e com qualidade”. A autarca evidenciou muitas das potencialidades e figuras históricas do concelho, como, por exemplo, “uma mulher de Felgueiras, que não é muito falada, mas que devemos referir, tanto mais que estamos a comemorar ainda o Dia da Mulher: Maria Clara, que esteve na origem do fabrico de Pão-de-Ló. No próximo mês de Abril, no Dia de Ramos, teremos o quinto festival desta doçaria, que atrai milhares de visitantes a Felgueiras”.
A abrilhantar a sessão cultural, estiveram Adriana Henriques, artista plástica, que representou no auditório uma perfomance alusiva, bem como a cantora e poeta Maria Manuel Rito, acompanhada à viola pelos felgueirenses Marcelino Correia (viola) e Fernando Lucas (à guitarra).


CristinaAguiarapresentaLivroCristina Aguiar, escritora e jornalista do jornal desportivo “O Jogo”, foi a convidada especial, no passado sábado, na Biblioteca Municipal de Felgueiras, no âmbito das atividades da exposição de artes plásticas (de 18 artistas) “Mulheres – Escravas e Deusas”, que tinha sido inaugurada no Dia da Mulher e que estará patente até ao dia 29.

A organização destas comemorações resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal, o movimento cultural Tertúlias Itinerantes e o grupo Artistas Reunidas para o Dia da Mulher.

Cristina Aguiar apresentou o seu livro “As Máscaras da Grande Deusa”, que trata de um estudo esotérico sobre as deusas nórdicas e germânicas.

OTL Páscoa - Abertas as inscrições

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

 

A Câmara Municipal de Felgueiras está a organizar um conjunto de atividades de Ocupação de Tempos Livres para a interrupção letiva da Páscoa.
O Programa, destinado a crianças dos 06 aos 10 anos, que frequentem os Estabelecimentos de Educação e Ensino da rede pública do concelho de Felgueiras, decorrerá no período de 07 a 17 de abril, das 08h00 às 18h30, nos estabelecimentos que reúnam um mínimo de 15 inscrições.
No desenvolvimento das atividades, as crianças serão acompanhadas por técnicos qualificados, que permitirão a ocupação de uma forma saudável e divertida, através da prática desportiva, da organização de ateliers, jogos, visitas, entre outras.
Esta iniciativa, enquadra-se no apoio que a autarquia vem prestando às famílias, nomeadamente na ocupação ativa e criativa e em segurança das suas crianças, bem como, no caso de agregados familiares com carências económicas, o acesso à refeição e à frequência das atividades gratuitamente ou a um preço reduzido.
O Programa inclui seguro de acidentes pessoais.
Os interessados podem inscrever as crianças até ao dia 21 de março nos estabelecimentos de educação que frequentam.

OTL_PscoaA Câmara Municipal de Felgueiras está a organizar um conjunto de atividades de Ocupação de Tempos Livres para a interrupção letiva da Páscoa.

O Programa, destinado a crianças dos 06 aos 10 anos, que frequentem os Estabelecimentos de Educação e Ensino da rede pública do concelho de Felgueiras, decorrerá no período de 07 a 17 de abril, das 08h00 às 18h30, nos estabelecimentos que reúnam um mínimo de 15 inscrições.No desenvolvimento das atividades, as crianças serão acompanhadas por técnicos qualificados, que permitirão a ocupação de uma forma saudável e divertida, através da prática desportiva, da organização de ateliers, jogos, visitas, entre outras. 

Caderneta "A Quinta Mágica"

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Felgueiras cria mecanismos para incutir às crianças hábitos alimentares e de vida saudáveis.
Projeto abrange 2234 crianças que frequentam os estabelecimentos de ensino do 1º ciclo.
A Câmara Municipal de Felgueiras está a distribuir em todas as Escolas Básicas do concelho uma caderneta de cromos intitulada “A Quinta Mágica” desenvolvida pelos serviços da educação da autarquia com o objetivo de incentivar as crianças a consumirem alimentos saudáveis, nomeadamente, hortofrutícolas.
Durante a entrega dos exemplares nas escolas do concelho, o presidente da Câmara Municipal, Inácio Ribeiro explicou a pretensão da ação: “queremos alertar os jovens para a importância de uma alimentação equilibrada” e acrescentou que a publicação é, acima de tudo, “um suporte que permite aos docentes desenvolverem atividades que motivem as crianças a consumirem fruta e vegetais, alimentos benéficos para a saúde”.
O vereador da Educação, João Sousa, sublinhou que “esta publicação surge aliada a um conjunto de medidas que a autarquia tem vindo a implementar no sentido de motivar as crianças e os jovens a adotarem bons hábitos de vida”, realçando a facilidade de acesso a equipamentos desportivos para a prática de atividade física, e a existência de programas de Ocupação de Tempos Livres, durante as interrupções letivas, que proporcionem momentos de convivência e que contrariem o isolamento e a inatividade, cada vez mais frequentes.
Esta primeira edição da caderneta “A Quinta Mágica” permite aos alunos/as do 1.º ciclo aprofundarem os seus conhecimentos sobre as diferentes frutas e produtos hortícolas contribuindo para o sucesso do programa Regime de Fruta Escolar, de âmbito Europeu, o qual consiste na distribuição gratuita de 1 peça de fruta, 2 vezes por semana, aos alunos/as do 1.º ciclo que frequentam os 28 estabelecimentos de ensino básico do concelho, abrangendo atualmente 2234 crianças.
A implementação deste Programa ganha especial importância com a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) relativamente à necessidade da ingestão diária de 400 gramas de fruta e hortícolas por pessoa, sendo particularmente relevante e imprescindível o consumo de frutas e hortícolas entre a população escolar.
Esta caderneta é mais do que um livro colorido e divertido, é um recurso didático que descreve, através das personagens da “A Quinta Mágica”, as principais características de cada fruto/hortícola incluídas no programa; ilustra a árvore/plantação de onde provém; exibe um quadro informativo com a fruta/hortícola da época com base nas quatro estações do ano e inclui um conjunto de atividades/jogos (labirinto, palavras-cruzadas, descoberta das diferenças, união de pontos, sopa de letras, etc.) que apoiam na assimilação do conteúdo. Além disso, prevê a distribuição de uma coleção de cromos, um por cada dia de distribuição de fruta/hortícola, para que cada criança o cole na sua caderneta, incentivando-a desta forma a consumir a peça de fruta/hortícola na totalidade.
O projeto vai mais longe: com base na descrição das 12 personagens da “A Quinta Mágica” e na restante informação da caderneta, as crianças irão ter a oportunidade de participarem num concurso, com uma história e uma ilustração, desenvolvendo a imaginação e a criatividade.
Os quatro melhores trabalhos (um por cada ano escolar) receberão um prémio, mas o trabalho vencedor (o melhor dos quatro) irá fazer parte da caderneta do próximo ano. Para mais informações, consulte o regulamento em: www.cm-felgueiras.pt .

AQuintaMgicaFelgueiras cria mecanismos para incutir às crianças hábitos alimentares e de vida saudáveis.

Projeto abrange 2234 crianças que frequentam os estabelecimentos de ensino do 1º ciclo.

A Câmara Municipal de Felgueiras está a distribuir em todas as Escolas Básicas do concelho uma caderneta de cromos intitulada “A Quinta Mágica” desenvolvida pelos serviços da educação da autarquia com o objetivo de incentivar as crianças a consumirem alimentos saudáveis, nomeadamente, hortofrutícolas.

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL